Momentos

Deixe um comentário...

Momentos

Sempre que imaginamos grandes momentos em nossas vidas, temos o hábito de lembrarmos feitos que muitas vezes levaram dias, meses ou até mesmo anos para serem concretizados.
A conquista da casa própria, o carro tão almejado, uma viagem planejada para um lugar paradisíaco e tantas outras situações. Ou é claro, em momentos inesquecíveis e não mensuráveis, como o nascimento de um filho, por exemplo.
Mas, por quantas vezes paramos para lembrar aqueles grandes momentos "mascarados" em situações corriqueiras e que mudam também nossas vidas, talvez, até como mais do que um dos casos citados?
Particularmente, procuro ficar atenta a isso. Claro, que muitos já devo ter deixado passar, infelizmente.
Uma coisa que me deixa grata de verdade é quando está aquele caos no transporte público e eu consigo fugir dessa situação. Todo mundo xingando e chega um trem vazio ou aparece um lugar bem à minha frente.
Essa semana mesmo aconteceu isso e, nossa, como agradeci à Deus por isso. Alguns dirão que é sorte ou outra coisa qualquer, mas o fato é que isso bastou para tornar um grande momento a ser sempre lembrado.
Outro momento encantador é quando alguém chega e faz um gesto de gentileza a mim ou à alguém que amo.
Uma ligação que seja, uma mensagem, perguntando como estou, se estou precisando de algo, enfim, mostrando que naquele instante sou importante.
No começo do ano, uma amiga querida ao me visitar me deu um vaso de violetas. Ela estava recheadinha, linda, cores vibrantes. Infelizmente, confesso, as plantas nunca duraram muito em minha companhia, mas essa, tenho certeza que veio com tanto amor e tanta energia boa que as pétalas nascem, fazem o seu espetáculo, caem e em pouco tempo, recriam esse ciclo maravilhoso algumas vezes durante esse ano e não teve uma vez que não me encanto com isso.
Por que ao me encantar revivo tudo o que isso significa: o amor de alguém por mim ao me dar esse presente. Tem como não considerar isso uma lembrança grandiosa em minha Vida?
 
Publicado no Jornal DAT
 

0 comentários:

Postar um comentário